Notícias

Docente de Odontologia explica como os dentes de leite estão ajudando em pesquisa sobre célula-tronco.


17
julho 2019

Já é uma realidade que os dentes de leite podem contribuir para pesquisas sobre células-tronco. A cirurgiã-dentista Michele Baffi Diniz, Profa. Dra. do curso de Odontologia da Universidade Cruzeiro do Sul, aponta que a polpa desses dentes armazena células-tronco que já ajudaram a recriar outras células do corpo.

Segundo informou a docente em matéria publicada no portal Destak (SP), estudos em andamento “mostram um potencial na regeneração ou reparação de tecidos dentais, construindo um ‘Biodente’, e também para tecidos não dentais”, diz. “Células-tronco de polpa de dentes decíduos já foram utilizadas para formar estruturas do pâncreas e músculos”, conclui.

As investigações científicas são possíveis graças à campanha “O Endereço da Fada do Dente”, desenvolvida pela Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo – FOUSP, que recebe dentes de leite e também permanentes para os estudos.

Quer saber mais sobre a campanha e formas de doar dentes? Leia a matéria na íntegra!